Às vezes, por mais controladores que sejamos, nos vemos diante do inesperado. Confesso que quando comprei este Glendronach não esperava muito mais do que “sherry em alta concentração”. Era uma ótima opção para variar dos “turfados ao barril ex-bourbon”. Mas… o inesperado morava dentro da garrafa de Glendronach.

Glendronach é uma destilaria que já trocou inúmeras vezes de proprietário. Admito que não me importo muito com isso, afinal, o importante é continuarem sempre fazendo bons whiskies, e de forma honesta! Mas ressalto que cada mudança de proprietário é uma chance de aprender ou descobrir coisas interessantes que normalmente não saltariam aos olhos.

Eis que o Glendronach 12 anos, na versão envasada em 2012, permite muitos reflexões. Após observar na “timeline” da destilaria um período de fechamento  de 1996 a 2002 e, incrédulo, observando a garrafa em mãos, veio o primeiro questionamento: “ããhhmmm…. como assim???”

Refeitas as contas, uma coisa era certa: “tem algo errado aqui”. Ao provar o whisky, todas as dúvidas começar a ter gosto: ” tem gosto de tudo, menos de 12 anos”. E eu achando que iria ficar apenas com o “sherry”… hahahahha

No vídeo a seguir explico o que essa versão tem de estranho e como isso pode ser interessante. Além disso, é claro, seguem minhas impressões sobre o whisky e alguns pontos a comentar sobre a destilaria. Sirva-se de uma dose de whisky e assista ao vídeo, logo abaixo, ou no canal do youtube!

Grande abraço!!

2 respostas a “Degustando #037: Glendronach 12 anos – 2012”

  • Muito bom o canal, os comentários e a forma como manifesta tuas opiniões. Gosto muito de whisky, e confesso que estou cada vez mais encantado com o mundo dos maravilhosos maltes muito motivado com seus vídeos. Bom, também sou gaúcho, de Porto Alegre, e tens agora um integrante para teu grupo de degustações. Estou sempre acompanhando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *